'Não é esse tipo de política que o povo está precisando', diz sargento vítima de perseguição - Blog Panorama do Alto

Blog Panorama do Alto

Por: Keffas Emmanuel

PUBLICIDADE


Home Top banner


quarta-feira, 30 de dezembro de 2015

'Não é esse tipo de política que o povo está precisando', diz sargento vítima de perseguição

Alto do Rodrigues - Depois de pedir a saída do Policial Militar sargento Leonêz, que por sinal realizava um trabalho elogiado pela comunidade, o grupo político liderado pelo ex-prefeito do município mais uma vez se aproveita de sua aproximação com o governador para perseguir agentes policiais e prejudicar a segurança da população.

Ainda inconformada com a derrota na eleição de 2012 para o atual gestor, a oposição usa de todo tipo de artifício para tentar atrapalhar o andamento da boa gestão do município, sem se importar com a população.

Assim foi com o PM Leonêz e agora o ex-gestor repete o abuso e está sendo apontado como o autor de um pedido de transferência do sargento João Maria da Costa do destacamento local por pura perseguição política. "Não é esse tipo de política que o povo está precisando", disse o agente em nota divulgada no seu perfil em uma rede social na internet.

Da Costa disse também que não foi atendido quando solicitou mais condições de trabalho, muito pelo contrário, está sendo ameaçado de sair do destacamento de Alto do Rodrigues a qualquer momento. "Quando eu pedi pra ele trazer mais efetivo e uma viatura pra cidade, ele não fez nada, mas quando é pra destruir ele faz", afirmou se referindo ao ex-prefeito Eider Medeiros.

Recém-chegado ao município, Da Costa vem conseguindo juntamente com os outros policiais, dá continuidade ao bom trabalho iniciado pelo sargento Leonêz, reduzindo os índices de ocorrências e mantendo a tranquilidade dos moradores. "Estou nesta cidade com a intenção de promover a paz e não de tratar pessoas com truculência dificultando ainda mais a paz. Não quero abusar de minha autoridade, mas quero respeito para comigo e meus comandados", comentou.

Eis a nota do Sargento:




Nenhum comentário:

Postar um comentário