PUBLICIDADE


Por 10 votos a 1, o Supremo Tribunal Federal (STF), rejeitou um pedido do deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) para suspender o processo de cassação que responde na Câmara dos Deputados.

A defesa de Cunha havia protocolado um mandado de segurança, solicitando a anulação de todo o procedimento, desde o início da instrução probatória até as votações que aprovaram o parecer do Conselho de Ética, sob a alegação de que não foi respeitado o devido processo legal e o direito à ampla defesa.

STF nega pedido de suspensão de cassação de Eduardo Cunha


Por 10 votos a 1, o Supremo Tribunal Federal (STF), rejeitou um pedido do deputado afastado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) para suspender o processo de cassação que responde na Câmara dos Deputados.

A defesa de Cunha havia protocolado um mandado de segurança, solicitando a anulação de todo o procedimento, desde o início da instrução probatória até as votações que aprovaram o parecer do Conselho de Ética, sob a alegação de que não foi respeitado o devido processo legal e o direito à ampla defesa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário