PUBLICIDADE



Os servidores do Detran do Rio Grande do Norte entraram em greve por tempo indeterminado nesta terça-feira (7). A categoria exige do governo o cumprimento do acordo, firmado no início de 2016, relativo a reestruturação das tabelas salariais dos trabalhadores, congeladas há 7 anos. Em nota, o Detran informou que "o momento de crise econômica delicado vem impossibilitando aumento salarial para categorias do funcionalismo público" e ressaltou que "os servidores do Detran-RN estão com salários em dia".

De acordo com a direção do Detran, a greve afeta 30% de alguns serviços e outros continuam funcionando em sua plenitude, tais como: habilitação, provão, teste prático de direção, clínica médica (exames psicológicos, clínicos).

Servidores do Detran-RN iniciam movimento grevista



Os servidores do Detran do Rio Grande do Norte entraram em greve por tempo indeterminado nesta terça-feira (7). A categoria exige do governo o cumprimento do acordo, firmado no início de 2016, relativo a reestruturação das tabelas salariais dos trabalhadores, congeladas há 7 anos. Em nota, o Detran informou que "o momento de crise econômica delicado vem impossibilitando aumento salarial para categorias do funcionalismo público" e ressaltou que "os servidores do Detran-RN estão com salários em dia".

De acordo com a direção do Detran, a greve afeta 30% de alguns serviços e outros continuam funcionando em sua plenitude, tais como: habilitação, provão, teste prático de direção, clínica médica (exames psicológicos, clínicos).

Nenhum comentário:

Postar um comentário