PUBLICIDADE


O ex-ministro dos governos Lula e Dilma, Guido Mântega, vai depois nesta quinta-feira (6) na ação em que o PSDB pede a cassação da chapa Dilma-Temer, vencedora da eleição presidencial de 2014.

Pesa sobre a chapa a acusação de abuso de poder econômico durante o processo eleitoral. Mântega assumiu o Ministério da Fazendo por mais de oito anos, entre o período de 2006 e 2014, e teve participação no segundo governo de Lula e do primeiro mandato de Dilma.

O depoimento foi marcado pelo ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Hermam Benjamin, para logo mais às 20 horas.

Ex-ministro de Lula e Dilma vai depor hoje em ação que pode cassar chapa Dilma-Temer


O ex-ministro dos governos Lula e Dilma, Guido Mântega, vai depois nesta quinta-feira (6) na ação em que o PSDB pede a cassação da chapa Dilma-Temer, vencedora da eleição presidencial de 2014.

Pesa sobre a chapa a acusação de abuso de poder econômico durante o processo eleitoral. Mântega assumiu o Ministério da Fazendo por mais de oito anos, entre o período de 2006 e 2014, e teve participação no segundo governo de Lula e do primeiro mandato de Dilma.

O depoimento foi marcado pelo ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Hermam Benjamin, para logo mais às 20 horas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário