PUBLICIDADE


Tarde de sábado com o registro de mais um crime com característica de latrocínio na cidade de Mossoró. Desta vez, a ação dos assaltantes vitimou um servidor da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern).

Hiroilton Gonçalves Falcão foi morto durante a ação de três assaltantes que invadiram sua residência, e antes de fugir, efetuaram disparos que atingiram o servidor público. O incidente ocorreu no conjunto Abolição II, numa residência situada por trás do Hotel Thermas de Mossoró.

Segundo informações preliminares, os bandidos chegaram até a residência no momento em que uma pessoa contratada como cuidador chegava para trocar de turno e iniciar o desempenho das funções.

As pessoas que estavam na casa foram feitas reféns. Hiroilton Gonçalves teria sido atingido quando tentava sair do quarto. A vítima teria entrado em sua residência momentos antes do incidente, após ter colocar seu veículo, tipo Hilux, na garagem.

A presença do veículo na frente da residência pode ter despertado a atenção dos assaltantes que esperaram uma oportunidade para encaminhar a invasão.

A polícia recolheu imagens colhidas por câmeras de segurança que podem ajudar na identificação dos assaltantes, que fugiram utilizando a motocicleta utilizada pelo marido de uma das cuidadores que prestam serviço a família de Hironilton.

O registro de mais um latrocínio enfraquece a tese de que a violência que atinge Mossoró esta concentrada na guerra travada entre facções. A prática de invasão de residências tem crescido nos últimos meses. Outras pessoas foram feridas a bala nas últimas semanas em decorrência do registo de casos similares.

Fonte: Fim da Linha

Servidor da Uern é assassinado dentro de casa durante assalto


Tarde de sábado com o registro de mais um crime com característica de latrocínio na cidade de Mossoró. Desta vez, a ação dos assaltantes vitimou um servidor da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern).

Hiroilton Gonçalves Falcão foi morto durante a ação de três assaltantes que invadiram sua residência, e antes de fugir, efetuaram disparos que atingiram o servidor público. O incidente ocorreu no conjunto Abolição II, numa residência situada por trás do Hotel Thermas de Mossoró.

Segundo informações preliminares, os bandidos chegaram até a residência no momento em que uma pessoa contratada como cuidador chegava para trocar de turno e iniciar o desempenho das funções.

As pessoas que estavam na casa foram feitas reféns. Hiroilton Gonçalves teria sido atingido quando tentava sair do quarto. A vítima teria entrado em sua residência momentos antes do incidente, após ter colocar seu veículo, tipo Hilux, na garagem.

A presença do veículo na frente da residência pode ter despertado a atenção dos assaltantes que esperaram uma oportunidade para encaminhar a invasão.

A polícia recolheu imagens colhidas por câmeras de segurança que podem ajudar na identificação dos assaltantes, que fugiram utilizando a motocicleta utilizada pelo marido de uma das cuidadores que prestam serviço a família de Hironilton.

O registro de mais um latrocínio enfraquece a tese de que a violência que atinge Mossoró esta concentrada na guerra travada entre facções. A prática de invasão de residências tem crescido nos últimos meses. Outras pessoas foram feridas a bala nas últimas semanas em decorrência do registo de casos similares.

Fonte: Fim da Linha

Nenhum comentário:

Postar um comentário