PUBLICIDADE


O ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB-BA), foi preso hoje pela Polícia Federal, em ação decorrente da Operação Cui Bono, que investiga esquema de corrupção na Caixa Econômica Federal (CEF).

A prisão do do ex-secretário de Governo do presidente Michel Temer (PMDB) e ex-vice presidente de Pessoa Jurídica da CEF entre 2011 e 2013, período investigado pela operação, foi determinada pelo juiz Vallisney de Souza Oliveira, da Justiça Federal de Brasília.

Segundo o Ministério Público Federal, o ex-ministro, o ex-deputado federal Eduardo Cunha e o operador financeiro Lúcio Bolonha Funaro desviaram “de forma reiterada recursos públicos a fim de beneficiarem a si mesmos, por meio do recebimento de vantagens ilícitas, e a empresas e empresários brasileiros, por meio da liberação de créditos e/ou investimentos autorizados pela Caixa Econômica Federal em favor desses particulares”.

(Com a Veja.com)

Ex-ministro Geddel Vieira é preso na Bahia pela Polícia Federal


O ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB-BA), foi preso hoje pela Polícia Federal, em ação decorrente da Operação Cui Bono, que investiga esquema de corrupção na Caixa Econômica Federal (CEF).

A prisão do do ex-secretário de Governo do presidente Michel Temer (PMDB) e ex-vice presidente de Pessoa Jurídica da CEF entre 2011 e 2013, período investigado pela operação, foi determinada pelo juiz Vallisney de Souza Oliveira, da Justiça Federal de Brasília.

Segundo o Ministério Público Federal, o ex-ministro, o ex-deputado federal Eduardo Cunha e o operador financeiro Lúcio Bolonha Funaro desviaram “de forma reiterada recursos públicos a fim de beneficiarem a si mesmos, por meio do recebimento de vantagens ilícitas, e a empresas e empresários brasileiros, por meio da liberação de créditos e/ou investimentos autorizados pela Caixa Econômica Federal em favor desses particulares”.

(Com a Veja.com)

Nenhum comentário:

Postar um comentário