Pelo menos quatro nomes estariam dispostos a disputar uma eventual eleição suplementar em Pendências - Blog Panorama do Alto

Blog Panorama do Alto

Por: Keffas Emmanuel

..


Banner Page Web Radio

terça-feira, 24 de julho de 2018

Pelo menos quatro nomes estariam dispostos a disputar uma eventual eleição suplementar em Pendências



A notícia da cassação pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RN) do prefeito Fernando Antônio e do vice José Maria, ambos do MDB, tem movimentado os bastidores da política no município de Pendências nos últimas dias. (Foto: reprodução)


O cenário que já estava conturbado com as articulações para a eleição da mesa diretora da Câmara Municipal para o segundo biênio, agora ganhou maior proporção e imprevisibilidade com a possibilidade cada vez mais concreta de uma eleição suplementar que já foi determinada pela Corte eleitoral, para a escolha de um novo executivo municipal.

Diante da situação, está posto o tabuleiro e os atores envolvidos, sabiamente não devem descartar nenhuma hipótese e, neste sentido, já começaram ainda que timidamente com as articulações e estratégias políticas nos bastidores em busca de alianças para se fortalecer com vistas a uma eventual disputa para o executivo municipal.

Embora exista uma grande tendência à polarização, a princípio pelo menos quatro nomes já circulam nos bastidores como pretensos pré-candidatos na disputa do pleito, e dentre eles o nome do ex-vereador Gustavo Queiroz lidera disparado como o que reúne as melhores condições em termos númericos, se levarmos em consideração que ele ficou na segunda colocação na eleição de 2016, e com uma diferença mínima de 104 votos, tendo em vista que o candidato eleito, o prefeito "Fernandinho", responde processo por abuso de poder econômico (compra de votos) na Justiça Eleitoral, objeto de cassação do mandato.

Além de Gustavos Queiroz, surgiram mais três nomes: o do vereador petista Izac Santos, que inclusive já admitiu publicamente a possibilidade de se lançar para disputar o pleito, o presidente da Câmara Flaudivan Martins, que uma vez empossado como prefeito teria todo direito de concorrer na suplementar, e ainda um nome da própria base que deu sustentação ao atual prefeito em 2016, que seria uma composição formada pela esposa do ex-prefeito Ivan Padilha com a filha do também ex-mandatário pendenciense, Jailton Freitas,este último nome ainda se desenhando no campo das especulações. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário