Melhor do ranking em 2022, atleta altorodriguense disputará torneio de Badminton em São Paulo - PANORAMA DO ALTO

Últimas

Banner 728x90

quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024

Melhor do ranking em 2022, atleta altorodriguense disputará torneio de Badminton em São Paulo


O jovem atleta de Badminton, Kauã Deivd de Souza Bertoldo, está de malas prontas para São Paulo, onde disputará mais uma edição (a 4ª) de um torneio de nível nacional, que acontece no período de 27 a 04 de março.

Kauã faz parte do Clube Desportivo Riogrande/Espaço Ama (Natal), desde junho de 2023 e têm algumas participações em disputas importantes em seu currículo, sendo a mais recente a competição Top 16, onde disputou vaga para torneio em Paris.

Conquistas:

  •  "Atleta Ouro"  no Jern's (mirim) em 2022.
  • 3° lugar dupla masculina no Jebs no Rio de janeiro em 2022
  • Líder do ranking estadual nas três categorias - DM - DX - Individual sub 15 de 2022.

Com o excelente desempenho na segunda edição do Nacional, Kauã conseguiu subir 20 posições no ranking, passando do 42º colocado para o 22º na terceira edição do torneio. Este ano espera repetir a façanha para ficar entre os primeiros.

Dedicado, o atleta planeja junto ao seu clube, passar uma curta temporada no centro de treinamento do Piauí, considerado um dos melhores do Brasil na modalidade esportiva.

Kauã e Isak Batalha

Treinado por Eduardo Pessoa, Alexsandro Torres e Alécson Maia, Kauã tem como referência, Jackson Câmara (RN) e Isak Batalha, atletas da seleção de Badminton.

Kauã e sua mãe "coruja", Karol Souza


O atleta contou que o apoio dos pais e da Escola Municipal Francisco de Oliveira, através de um projeto social com os alunos da mesma, foram fundamentais para difundir o esporte no município, despertando o interesse dos adolescentes em praticar o Badminton, inclusive, levando alguns ao pódio na última edição dos Jogos Escolares do Rio Grande do Norte (Jern's), apesar de pouco tempo de treinamento.


"Hoje o meu maior sonho é poder dividir com outros, o pouco de conhecimento e experiência. Mesmo não sendo adulto e formado, tenho em mim a vontade de servir ao próximo e, creio que o esporte salva vidas, assim como deu sentido a minha. Eu amo o esporte", concluiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores.