Ticker

6/recent/ticker-posts

Marco Aurélio Mello diz que votaria em Bolsonaro contra Lula

Ex-ministro do Supremo Tribunal Federal, no entanto, externa preferência pelo candidato Ciro Gomes (PDT) para o 1º turno




Aposentado do Supremo Tribunal Federal (STF) desde 2021, o ex-ministro Marco Aurélio Mello afirmou que votaria no presidente Jair Bolsonaro (PL) em um eventual embate direto contra Lula (PT) no segundo turno das eleições presidenciais deste ano.

A declaração do ex-ministro do Supremo aconteceu durante entrevista ao UOL. Marco Aurélio afirmou que Ciro Gomes é o seu escolhido para o primeiro turno, argumentando que “ninguém conhece mais o Brasil” do que o candidato do PDT.

No entanto, numa projeção de segundo entre o atual presidente e Lula, o ex-ministro diz entender que a continuidade é mais interessante ao país neste momento.

“Não imagino uma alternância para ter como presidente da República aquele que já foi durante oito anos presidente e praticamente deu as cartas durante seis anos no governo Dilma Rousseff (PT). Penso que potencializaria o que se mostrou no governo atual e votaria no presidente Bolsonaro, muito embora não seja ‘bolsonarista'”, afirmou Marco Aurélio.

“Cito, por exemplo, a atuação, que é digna de elogio, do ministro da Economia, Paulo Guedes. Se formos realmente fazer um levantamento, vamos ver que houve práticas de atos positivos buscando dias melhores.”

Revista Oeste

Mesmo externando a preferência por Bolsonaro contra Lula, Marco Aurélio Mello foi um dos 11 ex-ministros do Supremo que assinaram carta em defesa da democracia organizada pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP). Apesar de não ser diretamente citado no manifesto, o atual presidente é visto como alvo da iniciativa.

Reactions

Postar um comentário

0 Comentários